.


AZUL

A cor da abobada celestial,
O tom do mar profundo,
Cor simples e natural,
Cor da Terra, deste Mundo.

 

Gosto do teu anilado tom,
Como um símbolo de Vida,
Reflete o que há de bom
Nesta existência querida.

 

Como lembrança de valor
E recordação sem medida,
Seja em que localidade for.

 

De Leste a Oeste, de Norte a Sul,
No meio de todas e qualquer cor,
Sempre há-de sobressair o azul!...

                                        

publicado por RO ALMADA às 17:30