.

Em cada verso que fiz
Meus sonhos eu descrevi
E em cada palavra esperança senti
De viver uma realidade que nunca vi.

 

Sonho lindo foi te encontrar
Estes versos te passo a dedicar
Do sonho fizeste me acordar
Para uma nova realidade que adoro estar.

 

Deste amor poderia sair magoado
Te amo muito e não consigo ficar silencioso
Na minha vida te dei o principal papel
E nesta imensa bola de vinagre
És a minha luz, a minha gota de mel

Adoro o viver deste gostoso cocktail.


Agora canto, sorrio e danço
Não sei se este presente
veio de Deus ou de uma fada
Só sei que contigo tenho tudo.
Não preciso de mais nada.

 

Em cada poema que farei
Sentimentos neles descreverei
Em cada palavra direi
Só a ti, muito amarei.

                                  (A. Maia)

publicado por RO ALMADA às 14:11